Comitê científico recomenda fechamento de atividades não essenciais por 21 dias no RN,foi decretado no estado
18/03/2021 10:44 em Mossoró

      A governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), anunciou na noite de hoje (17) o fechamento de serviços e atividades não essenciais, por 14 dias. O decreto será publicado amanhã e valerá a partir do próximo sábado (20) até o dia 3 de abril, com o objetivo de conter o avanço da pandemia da covid-19 no estado.

   O novo decreto libera atividades essenciais, como supermercados, feiras, açougues, serviços de assistência à saúde, lojas de material de construção e clínicas veterinárias etc. As escolas estão com atividades suspensas, sejam da rede privada ou da rede pública. Atividades religiosas, como missas e cultos, também estão suspensas.

 

    Em pronunciamento, Bezerra afirmou que o estado vive um momento crítico. A governadora justificou que as regras foram orientadas pelo Comitê Científico Estadual e pelos ministérios públicos estadual e federal.

  "Diante da gravidade do quadro da pandemia, nós estamos acatando as orientações dos Ministérios Públicos do meu estado, com base nas recomendações do Comitê Científico Estadual, que está colocando a necessidade da suspensão temporária de todas as atividades não essenciais no Rio Grande do Norte", explicou a governadora, destacando que o decreto foi aceito pela prefeitura de Natal.

 O Rio Grande do Norte registra 182.399 pessoas infectadas pelo novo coronavírus, desde o início da pandemia, e 4.024 óbitos causados pela doença, segundo boletim epidemiológico divulgado hoje. De ontem para hoje, foram registradas 65 mortes por em decorrência da covid-19 e 1.009 infectados pelo vírus.

  O sistema RN Mais Vacina registrou a marca de 150 mil pessoas vacinadas no Rio Grande do Norte, correspondendo a 56% do público-alvo da primeira fase da campanha de vacinação contra a covid-19. A meta é vacinar 235.719 pessoas no Rio Grande do Norte.

 

Edição : Luis Matias  Fonte : Site da Uol

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
PUBLICIDADE